Quando há um bebé em casa, devemos ter o dobro do cuidado. Os pequeninos são imprevisíveis, pelo que nunca sabemos o que pode ocorrer com eles.

Também devemos ter consciência de que, para alguns acidentes, o seu organismo e as suas habilidades não estão desenvolvidas como as de um adulto.

Por estes motivos, é imprescindível que os adultos tenham um cuidado especial, não só em casa, mas sim em qualquer sitio. Qualquer descuido da nossa parte pode criar um verdadeiro problema se não arranjarmos uma solução a tempo. Em qualquer dos casos é melhor prevenir do que remediar.

Hoje mencionamos-lhe quais são os principais acidentes que podem ocorrer com um bebé ou com uma criança e o que podemos fazer para que estes sejam prevenidos!

Tome nota! É um assunto de extrema importância.

Afogamento

Sob nenhuma circunstancia devemos deixar o bebé sozinho quando lhe estamos a dar banho. Tão pouco devemos deixar que beba água sem a nossa presença. As suas habilidades não estão desenvolvidas, pelo que poucos centímetros de água bastam para que ele se possa afogar.

Se vamos à praia ou à piscina, também devemos ter muito cuidado. Dentro da água, o bebé deve estar sempre nos nossos braços e devemo-nos certificar de que não entra água na sua boquita.

Queimaduras

A pele dos bebés é muito delicada, pelo que na hora de lhes dar banho, a temperatura da água deve estar entre os 35-37ºC. Por isso mesmo, devemos certificarmo-nos de que nunca se aproximam de objetos perigoso, tais como os fogões, os fornos ou os ferros de passar.

Também é muito importante vigiar a sua exposição ao sol. Esta não deve ser excessiva, e devem de estar sempre protegidos com protetor solar, um chapéuzinho e óculos de sol.

Atenção! Relativamente à questão das queimaduras, a cozinha é o espaço mais perigoso para um bebé. Nela podemos encontrar todo o tipo de objetos quentes, pelo que devemos ser muito cuidadosos.

Intoxicação

Todos os produtos como o álcool ou os medicamentos devem estar num local seguro, e longe dos pequenitos. Já temos comentado que levam tudo à boca e, neste caso, não vai ser diferente. Podemos guardar este tipo de produtos num armário fechado e a uma altura que eles não consigam alcançar.

Quanto aos produtos tais como os cosméticos ou os de limpeza, é importante que tenham sempre uma tampa de segurança para que não possam ser abertos. Além disso, é recomendável que os conservemos na sua embalagem original, e não em outras caixas que se possam confundir com bebidas saborosas.

Cortes e Quedas

Já todos fomos crianças e todos tivemos cicatrizes por estarmos a brincar ou fizemos um corte quando caímos. Sem repreender, é importante que, na medida do possível, evitemos as quedas e os cortes que podem gerar um problema grave.

Se em casa temos varandas ou terraços, devemos evitar que os pequenitos brinquem neles. São sítios perigosos de onde devem estar o mais afastados possível. Ainda assim, é importante que coloquemos vedações para prevenir algum acidente.

Se o nosso bebé dorme num berço, é recomendado que não haja muita separação entre as barras e que estas sejam altas. Caso contrário, poderia cair ou entalar a cabeça. Não é aconselhável que existam peluches que o possam asfixiar ou que possam ser usados para subir as barrar e saírem do berço.

Asfixia

Como comentávamos, os pequenitos são muito imprevisíveis e, entre os seus hobbies favoritos, encontra-se o levar tudo o que conseguem á boca. Por este motivo, é importante que aprendam a não o fazer, ou pelo menos, que evitemos que o façam com objetos ou peças pequenas. Qualquer imprevisto pode fazer com que o engulam e se engasguem.

Assim sendo, é imprescindível que não brinquem com sacos de plástico, já que se podem asfixiar sem nos darmos conta. Não são um brinquedo e devemos ser conscientes!

Compartilhe com seus amigos!

Add comment


Security code
Refresh